17 de abr de 2010




Dona De Castelo


Amor perfeito
Amor quase perfeito
Amor de perdição paixão que cobre
Todo o meu pobre peito pela vida afora
Vou-me embora, embromadora
Você para mim agora
Passa como jogadora
Sem graça nem surpresa
Diga que perdi a cabeça
Seu eu me levantar da mesa e partir
Antes do final do jogo
Louco seria prosseguir essa partida
Peça falsa que se enraíza
E faz negro todo meu desejo pela vida afora
Vou-me embora, embromadora
E quando eu saltar de banda
E quanto eu saltar de lado
Vou desabar seu castelo de cartas marcadas
E tramas variadas
Sim
Seu castelo de baralho vai se desmanchar
Desmantelado
Decifrado
Sobre o borralho da sarjeta
Chegou o inverno !!!!!!


16 comentários:

Ricardo Calmon disse...

Hello blond criatura, em cartório fundamentada!
Gótica, quasew,foto essa amei!
Pelas vezes que percebi vc acessar meu blog,deu para sentir dificuldade sua!Perceba os comentários e verás que ninguém a muito tempo ,não reclama,inseticida em computer seu,rsrsr para os vírus despachar!rsrsrs!Docê esquecer,jamais!

Volta amada amiga!

viva la vida!

tulipa disse...

ÀS vezes seja porque razão seja precisamos de nos afastar um pouco.
Mas espero que tudo esteja melhor.
um abraço
tulipa

Luciana P. disse...

Lindos versos, linda música. Que bom que voltaste, Rita. É sempre bom o retorno de amigos, que já não são tão virtuais assim.
Adorei!

Beijos e ótimo sábado!

KINHA disse...

Olá amiga

Obrigada pela visita e gentil comentário.
Tenha um feliz e lindo Domingo!
Obrigada por apoiar a campanha.

Bjo

Dora Regina disse...

Rita, agradeço seu carinhoso comentário em meu blog, adorei o poema.
Espero que tenha voltado para ficar.
Abraços!

jefhcardoso disse...

Linda canção! Quem é? Marisa Monte? Adriana? Adriana,né? Sim, agora já éscutei mais e sei que é Adriana. Eu tenho algumas fotos que tirei com ela no ano passado. Você já viu?
Gostei da canção. Obrigado!

Legalmente Loira: ô meu anjo, que sua saúde se restabeleça o quanto antes! Torço por você continuar lindona e com toda aquela alegria que tive o prazer de conhecer graças a essa nossa querida blogosfera. Tudo é possível naquele que me fortalece. Eu creio.
Força, amiga!

Abraço carinhoso do Jeferson Cardoso!

Sônia Silvino disse...

Rita, minha lindona!
Fico muito feliz com o teu retorno aos blogues. Mas cuida da tua saúde!
Belo póema e a música... simplesmente linda demais!
Bjkas, muitas!

Pedrasnuas disse...

UM POEMA PROFUNDO...NOSTÁLGICO...POIS,UM AMOR PERFEITO,TÃO PERFEITO QUE O TORNA QUASE PERFEITO...POIS,QUASE!!!

APRECIEI DEVERAS.

GRATA PELOS COMENTÁRIOS SEMPRE BEM VINDOS.

CUIDE-SE...

BEIJINHO

Úrsula Avner disse...

Olá amiga, bonito texto poético adornado por bela imagem... Obrigada pelo carinho de sua visita e tão amável comentário. Bj no coração. Tenha um ótimo domingo e uma semana repleta de realizações...

Luciana disse...

Oi Amiga
Estava c/ saudades espero que tu melhore logo qualquer coisa é só chamar ok?
Bjs e uma ótima noite de domingo.
Lu

Pelos caminhos da vida. disse...

Meu blog: Pelos Caminhos da Vida

(http://anamgs.blogspot.com)

Esta participando da Copa Blog a partir de hoje e vai até o dia 21/04 nesse site aqui:

http://dado.pag.zip.net/

Caso não consiga acessar por aqui, tem o link no final do post do meu blog lá entra direto.

Conto com seu voto.

Obrigada!

Uma semana de muitas bençãos.

beijooo.

BANDEIRAS disse...

Oi,

A música é linda, o texto idem...

Obrigada pela visita em meu cantinho,
Bjs

leonel disse...

A sensibilidade de quem faz versos, aliada a sonorização dos mesmos. Bela maneira de cantar o sentimento.

Parabéns!

Abraço!

Kakau4ever disse...

Oie querida. Tudo aqui tá pura poesia...amayyy
bjoks e boa semana

nice disse...

Ritinha, o bom filho a casa torna (rs)....querida bom saber q vc está bem e linda!!!!

se cuide!!!

bjus

nice

Fa menor disse...

Inverno...

ou Verão
.

tudo é preciso como pão :)

É UMA HONRA RECEBE-LO AQUI !